Igreja Episcopal Anglicana do Brasil . Diocese meridional
 
 
home eventos
Igreja Episcopal Anglicana do Brasil . Igrejas Nacionais
 

Em diversos países do mundo, as igrejas anglicanas se tornaram autônomas, ou seja, igrejas nacionais ou regionais (incluindo parte de uma nação ou mais de uma nação), formando o que hoje chamamos de Províncias Anglicanas ou Igrejas Anglicanas.
No Brasil, a Igreja Anglicana se chama Igreja Episcopal Anglicana do Brasil (IEAB). Já teve outros nomes no passado. A palavra anglicana, antes de significar inglês, representa a grande família cristã internacional. A expressão episcopal indica que ela é governada por bispos. No mundo inteiro, os anglicanos somam hoje mais de 80 milhões de membros, espalhados em 44 províncias, e 160 diferentes países, tanto no hemisfério norte como no hemisfério sul.
Os anglicanos começaram a celebrar o seu culto a Deus em terras brasileiras no início do século XIX, quando foi estabelecida a primeira capelania inglesa no Rio de Janeiro. Isso foi em 1819. A finalidade das capelanias era atender às necessidades espirituais dos súditos da coroa inglesa, que residiam no Brasil. Isso foi possível graças a um tratado assinado entre Portugal e a Inglaterra em 1810. Embora o tratado tivesse objetivos primordialmente comerciais, continha um artigo que garantia aos ingleses o direito de terem templos próprios, desde que fossem construídos de tal modo que externamente se assemelhassem a casas de habitação. Mais tarde, foram criadas capelanias em Niterói, São João Del Rei, São Paulo, Salvador, Recife e Belém do Pará. Hoje as capelanias inglesas estão incorporadas à IEAB.

 

 
   
© 2008 Igreja Episcopal Anglicana do Brasil . Diocese Meridional . desenvolvido por k.design